-- -- O ansioso sente um medo, apreensão e tensão constante, além do normal
 

Consultório da Mente

  • Aumentar tamanho da fonte
  • Tamanho da fonte padrão
  • Diminuir tamanho da fonte

O ansioso sente um medo, apreensão e tensão constante, além do normal

O ansioso sente um medo, apreensão e tensão constante, além do normal.

 Muitas vezes existe uma razão concreta para a pessoa estar reagindo à vida com ansiedade, como por exemplo, quando há estresse provocado por algum acontecimento externo ou conflito interno, quando há alguma doença em curso, uma emergência de vida, etc. Mas, existem situações de ansiedade onde não se detecta nenhum motivo aparente, inclusive nenhuma doença física que possa justificar esse estado emocional, nenhum acontecimento estressante.

Nesses casos sem razão aparente, os sintomas da ansiedade surgem espontaneamente, muitas vezes sob a forma de ataques de ansiedade, ataques de pânico, fobias, transtorno obsessivos, somatizações e doenças psicossomáticas.

Dependendo da forma como essa ansiedade patológica se apresenta nesta pessoa, ela poderá se mostrar ora hipocondríaca, ora evitando freqüentar lugares onde possa se ver em situações de pânico, pode ser inclinada a usar álcool para aliviar a sensação de insegurança, enfim, pode apresentar algum comprometimento de seu modo de vida. ansiedade. A ansiedade pode se apresentar de várias formas.

Na ansiedade sob a forma de Síndrome do Pânico, a pessoa tem crises onde começa a apresentar um pavor exagerado de passar mal, perder o controle, morrer de repente, não poder ser socorrido, enfim, medo de sofrer alguma coisa grave que se manifesta em determinadas situações. Essas crises normalmente são acompanhadas de palpitação, sudorese e mal-estar, etc.

Outra forma de ansiedade é a chamada Ansiedade Generalizada, onde a pessoa está continuadamente desesperada, aflita, assustada e inquieta, sempre achando que alguma coisa de mal vai pode acontecer com ela, com seus filhos... 

A ansiedade também pode se manifestar através de sintomas Obsessivo-compulsivos. Nessa situação, a pessoa é invadida por pensamentos torturantes, exigentes, absurdos e desagradáveis, conseqüentemente ela repete várias vezes o mesmo ato impulsivamente para tentar aliviar-se dos pensamentos. É o caso das pessoas que conferem várias vezes se fecharam o gás do fogão, a porta da casa, são pessoas que lavam as mãos várias vezes e continuam achando que as mãos ainda estão sujas, pessoas que se preocupam exageradamente com a simetria das coisas, etc.

Outras pessoas expressam suas ansiedades através de Fobias. São conhecidas várias formas de fobias, como a claustrofobia( medo de lugares fechados), agorafobia( medo de sair de casa e ficar em público), fobias sociais( como o medo de ser ridicularizado em público) e outras.

Além dessas formas de ansiedade supra citadas, a pessoa também pode passar por algum trauma e continua sentindo todo o mau estar mesmo depois do problema ter acontecido. Esse tipo de ansiedade é conhecido como Estresse Pós-traumático, que pode aparecer logo após a pessoa ter sofrido um trauma e persistir até 6 meses depois. A pessoa passa a reviver o trauma repetitivamente, ter insônia, pesadelos, dificuldade para se concentrar, entre outros sintomas.

 

Dr. Fernando Weikamp

Psicanalista - Neuropsicanalista

 

Calendário de Eventos

Abril 
04.04 - Dia Nacional do Parkinsoniano 
06.04 - Dia Mundial da Atividade Física 
07.04 - Dia Mundial da Saúde 
08.04 - Dia Nacional do Sistema Braille 
14.04 - Dia do Técnico em Serviço de Saúde 
16.04 - Dia Nacional da Voz 
17.04 - Dia Internacional da Hemofilia 
26.04 - Dia Nacional de Prevenção e Combate à Hipertensão Arterial 
30.04 - Dia Nacional da Mulher 

Precisamos Saber

O que é mais importante na sua relação
 

 


 

 

 


Pensamento do Dia

Quando o teu amigo atravessar alguma aflição, não o aborreças perguntando - lhe o que podes fazer por ele. Pensa em algo apropriado e fá - lo . (Ed. Howe)

Psicopatas. Eles estão entre nós

Artigos de vários Terapeutas

                                                                  
Dra.Rita Souza Bruni CRP  06/92547é Psicologa Psicóloga, especialista em Psicologia Analítica.Possui experiência nas áreas de atendimentos clínicos, testes e avaliações Psicológicas, elaboração de palestras e treinamentos.Realiza atendimento clínico de adolescentes e adultos, orientação profissional e acompanhamento emocional a noivas e casais. mental.
Dra. Nájila Tamires da Silva é Psicóloga em atendimento clínico. Utiliza uma abordagem voltada a psicologia comportamental. Com experiência em atendimento clínico individual e em grupos de crianças, adolescentes e adultos. Realiza acompanhamento terapêutico e orientação profissional.
Holly Counts, PsyD
Dra.Holly Counts, Psy.D. é um psicóloga clínico licenciado em Ohio. Ela utiliza uma abordagem mente, corpo e espírito para a cura.
Daniel J. Tomasulo
Dr.Daniel J. Tomasulo, Ph.D., TEP, MFA é um psicólogo, treinador psicodrama e escritor sobre corpo docente da Universidade de Nova Jersey City

Dr. Fernando Weikamp -Neuropsicanalista - Psicanalista Clinico - CBP/SP nº 00439 Faculdades Médicas de Psicoterapia Unidas FAMEHP -São Paulo,- Diplomado em psicologia pela Universidade do Arizona em Master of Psychology and Medicine -Membro ABENEPI -Associação Brasileira de Neurologia,Psiquiatria Infantil -Membro da Sociedade Brasileira de Psicologia -Membro da Associação Brasileira de Medicina Complementar -Membro da Associação Brasileira de Psicoterapia e Medicina Comportamental e Sexólogo

 

 

Informação

 

 

Atenção Internautas

 O Consultorio da Mente alerta aos internautas que estão sendo enviadas mensagens eletrônicas em nome do Consultorio da Mente. As falsas mensagens informam que o usuário tem algum tipo de divida . Depois há um pedido para "clicar" em um link anexado a mensagem.

O Consultório da Mente não envia mensagens eletrônicas sobre cobranças . Somente entra em contato via e-mail com usuários que utilizaram os canais apropriados no site.

Portanto, ao receber a mensagem suspeita, orientamos que ela seja encaminhada para o endereço crime.internet@dpf.gov.br e, logo em seguida, apagada.

 

 

 

Nós temos 70 visitantes online