-- -- Luto & Melancolia
 

Consultório da Mente

  • Aumentar tamanho da fonte
  • Tamanho da fonte padrão
  • Diminuir tamanho da fonte

Luto & Melancolia

 

*A característica de maior peso na diferenciação dos dois estados é presença de baixa auto-estima e auto-recriminação muitos comuns na Melancolia e inexistentes no luto normal.

 

*No luto profundo existe a perda de interesse pelo mundo externo, Há a   dificuldade de adotar um novo objeto de amor.
 
*Com relação ao luto normal é importante salientar que a perda do ente amoroso não constitui presença de auto-recriminação

*A superação do luto é realizada pouco a pouco e com grande gasto de energia.
 
*Os sentimentos de culpa, no luto, limitam-se a não ter feito todo o possível para auxiliar a pessoa que morreu; outras idéias de culpa estão geralmente ausentes.
 

Entorpecimento - O indivíduo recentemente enlutado sente-se descrente, em choque, atordoado, desamparado. Isso acontece devido à dificuldade em aceitar a perda.

Negação – Se apresenta como mecanismo de defesa frente a essa situação tão dolorosa.

Anseios - Crises intensas de choro e Dor profunda – A perda pode gerar um grande anseio por reencontrar a pessoa morta. A impossibilidade desse reencontro pode gerar crises intensas de choro e dor profunda, assim como uma preocupação excessiva com seus pertences e objetos que tornem sua lembrança viva.

Culpa – Em muitos casos, esse sentimento é bastante presente. O enlutado pode, ao relembrar alguns eventos vivenciados com a pessoa morta, achar que deveria ter agido de forma diferente nessas ocasiões, ou, até mesmo, que poderia ter evitado sua morte.

Raiva, desespero, falta de prazer e hostilidade - Muitas vezes, o enlutado se volta contra amigos, familiares, médicos, Deus e, quando há o sentimento de culpa, contra si mesmo. Ele pode vir a se afastar dos amigos e do convívio social assim como perder o prazer e interesse no mundo externo, tanto em atividades novas quanto costumeiras.
 
Superação

A superação do luto se inicia quando o enlutado passa a construir um novo tipo de vínculo com a pessoa morta, fazendo com que a relação seja preservada em outro patamar. Nesses casos, o indivíduo falecido pode passar a ser internalizado, continuando, assim, a viver no mundo interno do enlutado.O sofrimento passa a ser menos intenso, e o sujeito enlutado passa, no geral, a buscar resgatar laços sociais, retomando vínculos antigos e construindo novas relações.


Podem ocorrer recaídas, principalmente em datas que lembrem o indivíduo falecido, como aniversários de nascimento ou de morte. Nesses casos, o apoio e a compreensão, tanto dos amigos quanto dos familiares, ajudarão a fazer do processo de enlutamento algo mais suportável.

Com o tempo, o enlutado volta a se inserir no mundo externo de modo pleno e, normalmente, com sua capacidade de suportar perdas aumentada, amadurecida.

 

Psicanalista na Sua Cidade

Calendário de Eventos

 

Outubro
Outubro Rosa - Câncer de mama
3º sábado do mês - Dia Nacional de Combate à Sífilis e à Sífilis Congênita
12 a 18 de outubro - Semana Nacional de Prevenção da Violência na Primeira Infância

01/10 - Dia Nacional de Doação do Leite Humano
01/10 - Dia Nacional e Internacional do Idoso
01/10 - Dia Interamericano da Água
03/10 - Dia Mundial do Dentista
04/10 - Dia Nacional do Agente de Saúde - ACE E ACS
04/10 - Dia da Medicina do Trabalho/ Médico do Trabalho
10/10 - Dia Mundial da Saúde Mental
10/10 - Dia Nacional de Luta contra a Violência à Mulher
11/10 - Dia Nacional de Prevenção da Obesidade
11/10 - Dia do Deficiente Físico
12/10 - Dia das Crianças
12/10 - Dia da Cirurgia Infantil
13/10 - Dia do Terapeuta Ocupacional e Fisioterapeuta
15/10 - Dia Mundial de Lavar as Mãos
16/10 - Dia Mundial da Alimentação
16/10 - Dia do Anestesiologista
17/10 - Dia Nacional da Vacinação
18/10 - Dia do Médico
20/10 - Dia Mundial e Nacional da Osteoporose
25/10 - Dia Nacional da Saúde Bucal
25/10 - Dia do Cirurgião Dentista
27/10 - Dia Nacional de Mobilização Pró-Saúde da População Negra
27/10 - Dia Nacional de Luta pelos Direitos das Pessoas com Doença Falciforme
29/10 - Dia Nacional e Mundial da Psoríase
30/10 - Dia Nacional de Luta contra o Reumatismo

Precisamos Saber

O que você imagina que sofre
 

 


Pensamento do Dia

Para avaliar a importância real de uma pessoa, devemos pensar nos efeitos que sua morte produziria. (François Gaston de Levis)

Psicopatas. Eles estão entre nós

Artigos de vários Terapeutas

                                                                  
Dra.Rita Souza Bruni CRP  06/92547é Psicologa Psicóloga, especialista em Psicologia Analítica.Possui experiência nas áreas de atendimentos clínicos, testes e avaliações Psicológicas, elaboração de palestras e treinamentos.Realiza atendimento clínico de adolescentes e adultos, orientação profissional e acompanhamento emocional a noivas e casais. mental.
Dr. Gustavo Moraes é Psicólogo e Psicanalista clínico. Utiliza uma abordagem voltada para o inconsciente humano. Com experiência em atendimento clínico individual de, adolescentes e adultos. Realiza acompanhamento terapêutico e orientação profissional, é professor universitário e palestrante.

 

Holly Counts, PsyD
Dra.Holly Counts, Psy.D. é um psicóloga clínico licenciado em Ohio. Ela utiliza uma abordagem mente, corpo e espírito para a cura.
Daniel J. Tomasulo
Dr.Daniel J. Tomasulo, Ph.D., TEP, MFA é um psicólogo, treinador psicodrama e escritor sobre corpo docente da Universidade de Nova Jersey City

Dr. Fernando Weikamp -Neuropsicanalista - Psicanalista Clinico - CBP/SP nº 00439 Faculdades Médicas de Psicoterapia Unidas FAMEHP -São Paulo,- Diplomado em psicologia pela Universidade do Arizona em Master of Psychology and Medicine -Membro ABENEPI -Associação Brasileira de Neurologia,Psiquiatria Infantil -Membro da Sociedade Brasileira de Psicologia -Membro da Associação Brasileira de Medicina Complementar -Membro da Associação Brasileira de Psicoterapia e Medicina Comportamental , Sexólogo, Professor, Neuro Ciência .

 

 

Informação

 

 

Atenção Internautas

 O Consultorio da Mente alerta aos internautas que estão sendo enviadas mensagens eletrônicas em nome do Consultorio da Mente. As falsas mensagens informam que o usuário tem algum tipo de divida . Depois há um pedido para "clicar" em um link anexado a mensagem.

O Consultório da Mente não envia mensagens eletrônicas sobre cobranças . Somente entra em contato via e-mail com usuários que utilizaram os canais apropriados no site.

Portanto, ao receber a mensagem suspeita, orientamos que ela seja encaminhada para o endereço crime.internet@dpf.gov.br e, logo em seguida, apagada.

 

 

 

Nós temos 88 visitantes online